#05 - Tudo aquilo que nunca foi dito - Marc Levy




Ficha Tecnica

Autor:Marc Levy
Nº de Páginas: 244
Editora: Suma das Letras
Ano: 2011 

   



Poucos dias antes do seu casamento, Julia recebe um telefonema do secretário de seu pai. Como ela já tinha previsto, Anthony Walsh - empresário brilhante, mas pai distante - não poderá comparecer à cerimônia. A ausência de seu pai em momentos importantes de sua vida da filha não é novidade para Julia. Mas pela primeira vez, a personagem tem que reconhecer que ele tem uma boa desculpa: Anthony Walsh morreu. A ironia amarga da situação, com Julia forçada a adiar o casamento para enterrar o pai, faz aquela parecer mais uma das peças pregadas pelo destino na difícil relação entre os dois. Mas, no dia seguinte ao funeral, ela descobre, na forma de um enorme pacote deixado na porta de sua casa, que aquela não tinha sido a última surpresa de seu pai - e parte na viagem mais extraordinária de sua vida, uma oportunidade para que os dois digam um ao outro, enfim, tudo aquilo que nunca foi dito.


----xxx----


Tudo aquilo que nunca foi dito foi o meu primeiro livro de Marc Levy. Assisti varias vezes a adaptação de E se fosse verdade, sem saber que era adaptação de um livro.
Comecei a ler o livro sem nem tem lido a sinopse, acho que foi mais um teste que eu quis fazer e o livro me surpreendeu. É um livro que toca.

Julia é uma desenhista e esta com o casamento marcado para daqui a alguns dias. Ela não tem um bom relacionamento com o pai, mas mesmo assim resolveu convidá-lo para o casamento, esperando que pelo menos nessa data tão importante ele possa comparecer.

Mas Julia recebe um telefonema inesperado. Mais inesperado ainda é o assunto do telefonema: Seu pai. O pai de Julia morreu e para piorar o enterro estava marcado para o dia do casamento. Parecia que era planejado ou até mesmo um brincadeira, até o dia do casamento o pai conseguiu estragar.

O velório aconteceu e o casamento foi adiado. Mas as surpresas não pararam por ai, após o enterro Julia descobre que o pai arranjou um jeitinho de viver mais uns dias com ela e poder se despedir corretamente.

O pai de Julia é aquele cara que dar vontade de matar, se já não estivesse morto, mas que no decorrer do livro você vai entendendo seus motivos e até sente um pouco de pena dele. A forma que ele tenta se redimir com a filha e as coisas que ele faz por ela, e o fato de ele tentar abrir os olhos dela para algumas situações do presente faz com que gostemos dele, pois são coisas lindas.

Esse é um livro que vai fazer você cair de cabeça e querer saber o que vai acontecer na página seguinte, fazendo você se esqueça de tudo a sua volta. E quando termina então, ai a sua cabeça explode e você ainda vai querer mais!

São tão poucas paginas para uma história tão linda!




2 comentários

  1. Eu já li esse livro, ele é perfeito, concordo com o que vc disse, são tão poucas páginas para um livro tão lindo.
    Beijos, www.atrasdossonhos.co.cc

    ResponderExcluir
  2. Parece ser bem interesante o livros, ñ sou muito de ler mais vou dar uma pesquisada =D
    fashion em cores(.com)

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário e não esqueça do seu link para que eu possa visitar! :)
Não deixe de acompanhar o blog nas redes sociais, e se tiver dúvida entre em contato!
Beijos, volte sempre (:

Copyright © 2016 Loucuras de Amanda | Todos os direitos reservados | Layout por: Amanda Portfólio